Sobre

Como eu posso mudar o que eu penso? Como eu posso mudar o que eu sinto? Esse era o tipo de questão que me mantinha acordado durante as noites.

Desde quando eu me lembro, eu sempre procurei uma forma de manipular a minha realidade interna para ser mais “feliz” – embora eu não soubesse direito o que ser feliz significava.

Eu precisei de 33 anos e uma infinidade de livros e experiências de vida para perceber que eu estava andando em círculos.

A tentativa de controlar o conteúdo da mente só gera confusão e sofrimento. A chave para viver bem está na forma como reagimos ao que se apresenta na consciência, aqui e agora.

Esse site foi feito para dividir essa constatação com vocês e, quem sabe, encurtar o caminho de alguém que esteja nessa mesma jornada.

Meu nome é Guilherme Chaban. Eu sou um entusiasta da meditação e do autoconhecimento.